domingo, 30 de novembro de 2008

A LENDA DO NHOQUE DA MARATUNA

Já ouviram falar na lenda do nhoque da fortuna (dia 29, coma um prato de nhoque com dinheiro embaixo do prato) né?! Então dêem uma lida nesse post.

Obs.: altamente recomendado para os maratonistas e/ou corredores de longos e/ou futuros maratonitas...

Em tempos remotos, em um vilarejo na velha Itália...Reza a lenda que São Pantaleão, ainda um missionário andarilho, chegou a esse pequeno local em um dia 29. E bateu à porta de uma simplória casa. Um casal de velhinhos, mesmo desconfiado com a chegada daquele visitante, o recepcionou e serviu o único alimento que havia em casa: nhoque, dividido em sete unidades para cada. Ao tirar os pratos da mesa, logo após a saída do estranho, os velhinhos encontraram moedas de ouro embaixo do prato, experimentando um longo período de fartura.

Eis que surgiu a tradição do “Nhoque da Fortuna”: deve-se comer a iguaria todo dia 29 de cada mês, colocando uma nota de dinheiro debaixo do prato. Muitos dão preferência ao dólar, já que é uma moeda mais forte e segura. Daí é só comer sete bolinhas de nhoque de pé, fazendo um pedido a cada garfada.

29 de novembro de um ano recente, em um café no bairro do Ipiranga, em São Paulo... Sete amigos maratonistas (e blogueiros) decidiram se encontrar: Harry, Hideaki, Léo, Mayumi, Sérgio, Valter, Yara. Famintos, após terem feito seus treinos longos do dia, pediram um prato de nhoque cada. O dono da casa, também maratonista, não se espantou com o pedido e logo tratou de servi-los. Alguém lembrou que, por ser dia 29, deveriam colocar algum dinheiro debaixo do prato para atrair fortuna. Procuraram nos bolsos e nas bolsas. Nem um centavo foi encontrado - tudo havia sido gasto nas últimas provas, relógios, tênis e viagens de corrida.
Porém, como sempre andavam com suas medalhas de maratona, bens muito preciosos para esses corredores, resolveram colocá-las embaixo dos pratos.
E a cada garfada, um pedido: “Nova York”; “Chicago”; “Berlim”; “Londres”; “Boston”; “Tokyo”; “Paris”. Depois disso, reza a lenda, abençoados por São Pantaleão e pelo Muttley (Medalha, Medalha, Medalha), os sete maratonistas passaram a correr uma grande maratona por ano. E mais: graças à simpatia, também ficaram livres da “maldição do km 30”...
Dizem que, para garantir o fôlego em todos os 42 km que pretendiam correr, os amigos ainda apelaram para São Nuno Cobra, repetindo - de boca vazia, óbvio - três vezes ao longo da refeição "Eu moro pra lá de Paranapiacaba". EIS QUE SURGIU A TRADIÇÃO DO “NHOQUE DA MARATUNA”.

Obs.: a simpatia também pode ser feita por corredores de Meia Maratona, desde que sejam colocadas TRÊS medalhas de provas desta distância - afinal, uma Maratona não é a mesma coisa que duas Meias.
Esta história foi desenvolvida a partir de e-mails trocados durante algumas semanas entre os amigos Harry, Hideaki, Léo, Mayumi, Sérgio, Valter, Yara - ou simplesmente “A TÁVOLA REDONDA DOS MARATUNISTAS”.
Mayumi, Valter, Leo , Yara, Sergio e Hideaki, Todos maratonistas.

E onde foi que comemos o nhoque da maratuna?! No Runner Café que fica na:
Av. Nazaré, 1199
Ipiranga - 04263-100
São Paulo - SP
tel. 11-3628-0570

Passe por lá e peça o nhoque da maratuna no dia 29. Aproveite para ver o cardápio com dicas para alimentação para corredores. E no lugar das revistas de moda, carros ou economia (nada contra as Giseles, Sennas ou Dantas) você vai encontrar as revistas de corrida.
Fique de olho no monitor, pode ser que você me veja passando pelos 42km da ING New York Marathon...

6 comentários:

Bruno Thomaz disse...

Aewww
jah li o post no Hideaki, na Mayumi e na Yara... hehehehe

to fazendo a peregrinação proposta pelo Hideaki no blog dele hehehe

Abração cara!!!

Mayumi disse...

Tem certeza que vc não virou abóbora, meu caro? Rsrsrs. Até mais! Bons treinos!

Yara Achôa disse...

Ei, Valter, vc é sócio do Runner Café ou tá querendo garantir o nhoque do próximo dia 29? hehehehe. Aliás, eu também recomendo. O nhoque é ótimo e aquele brownie com sorvete de sobremesa, hummmmmm... Bom demais.
Beijo,
Yara

Marildo Nascimento - http://4corredores.zip.net disse...

Valter valeu cara conhecê-lo pessoalmente. Vc só esqueceu de contar é que nesse dia haviam testemunhas da lenda que poderão no futuro confirmar toda essa estória...rsrsrsrs
Bem, vamos seguir em frente acreditando que em tudo posso quando assim acredito ...né
Um grande abraço

Jorge disse...

Nessa comilança dos encontros dos Maratonistas só faltou um maratonista...Eu...rsss...
Bom fiquei sabendo que foram convidados 7 maratonistas na foto eu estou vendo só 6 e cade o Harry ele faltou.

Um abraço,

JORGE CERQUEIRA

Valter Ide disse...

Pessoal,


Precisamos marcar o nhoque deste mês...e como disse a Yara, quero garantir o meu...rs


Abçs

PS: Jorge, o Harry já tinha comido nhoque no Runnercafé e deixou passar esse encontro.

Meus posts...

Pessoal, eis meus posts.
Como todo blogueiro, peço que me desculpem caso escreva algo que não lhe agradem assim como me ajudem caso falte comentar sobre alguma coisa.
De resto: divirtam-se correndo pelo mundo!!!.